Fandom

Wiki Lanterna Verde

Anti-Monitor

123 páginas
nesta wiki
Adicione uma página
Comentário1 Compartilhar
Antimonitor.jpg

História Editar

Até o momento tido como destruído durante a Crise Infinita, o Antimonitor surge novamente em Qward, recebendo a lealdade e subserviência de seus recrutados SINESTRO, PARALLAX, SUPERBOY PRIMORDIAL e SUPERCIBORGUE. 

Num contato visual feito com o Superciborgue, no Mundo Bélico, ele garante ao recrutado que, com a vitória da Guerra dos Anéis, lhe concederá o que tanto deseja: a chance de poder morrer.

Em Qward, um grupo dos chamados "Lanternas Verdes perdidos" avança em busca da entidade ÍON e a encontra aprisionada numa câmara gigantesca pelo Antimonitor que se encontra parasitando suas energias. Imediatamente incinera o Lanterna Verde KE'HAAN. Em seguida é atacado pelo Lanterna HANNU que dá tempo para os demais libertarem Íon e fugir dali. Só então é revelada sua existência aos demais Lanternas em Qward, que batem em retirada apressadamente com destino a Oa.

No planejamento à invasão a Terra, o satélite do Mundo Bélico teleporta o Antimonitor no ponto estratégico entre Nova Iorque e Manhathan. Lá, ele é interceptado por alguns Lanternas Verdes, mas os pulveriza com sua energia. Devido à sua fisiologia daxamita, sob contato do sol amarelo, SODAM YAT, um dos atacados se recompõe e continua atacando-o repetidamente, até ser convertido em Íon pelos Guardiões do Universo.

Enquanto todas as atenções voltam-se para o Superman Primordial, o Antimonitor inicia seu processo de alimentação: Acessando a matéria positiva bruta de onde estava, ele começa a criar uma entropia semelhante à utilizada por ele mesmo na 1ª Crise e convertia a energia da materia positiva convertida em uma proteção de antimatéria e com isso, devastar toda a superfície do planeta. Com a Terra sendo aniquilada, todo o universo positivo também seria. Contudo ele começou a ser fortemente atacado pelos heróis terrestres e pelos Guardiões do Universo, que conseguiram avariar um pouco de sua armadura. Em seguida, o satélite do Mundo Bélico é capturado pelos anéis de energia e puxado até o local onde ele estava. Logo após, criaram uma gigantesca bolha de contenção e lá dentro, detonaram o núcleo energético do satélite, avariando gravemente a armadura de contenção do Antimonitor. Ainda vivo, ele continua atacando, mas é confrontado pelo Superman Primordial que trai o acordo entre eles, acaba de destruir a sua armadura e o lança no vácuo espacial. Viajando através das dimensões, ele chega no universo de antimatéria, onde cai num planeta desconhecido e é recepcionado por uma personalidade oculta. Lá ele presencia a criação da Bateria Central Negra. 

Durante a Noite Mais Densa, O Antimonitor revela-se estar sendo aprisionado dentro da bateria negra de Nekron para servir de fonte de energia para ela. Ele é descoberto por Guy Gardner que convoca todas as tropas unidas contra Nekron para enfrentá-lo. Com a participação de Columba e seu poder baseado na luz branca, eles conseguem alvejá-lo com um construto de projétil bem no meio de seu crânio, matando-o. Contudo, seu corpo foi sugado para dentro da bateria negra a fim de continuar energizando-a com sua energia negativa. 

Com a libertação da entidade branca da vida por Nekron, a fim de destruí-la, a mesma é hospedada por Hal Jordan que, dentre outras coisas, revive o Mão Negra. Dele surgem novos anéis brancose um deles avança até a bateria negra e revive o Antimonitor que imediatamente ataca a Nekron. Este utiliza eu poder para teleportar o Antimonitor de volta ao universo de antimatéria, longe dali.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no Fandom

Wiki aleatória